Você está aqui: Home Squirt Lube Modo de Usar

Modo de Usar

Dicas de aplicação e manutenção para obter o melhor desempenho do Squirt Lube.

topo_squirt


A ideia por trás desse processo de lubrificação e manutenção é criar uma camada de cera permanente na corrente. Uma vez que ela estiver impregnada com cera, os intervalos de reaplicação serão mais longos e ela ficará super resistente a umidade.

Seguindo esse processo, você irá entender porque SQUIRT se tornou o lubrificante preferido de vários campeões internacionais e atletas amadores do mundo inteiro.

1) Comece com uma corrente limpa. Se a sua corrente veio com o lubrificante original, utilize-a com esse lubrificante e espere até a primeira limpeza para aplicar o SQUIRT.

2) Com a corrente limpa, marque um ponto de referencia. Em correntes com elo mestre (SRAM, KMC, Wipperman) geralmente o elo mestre é um bom ponto de referência. Em correntes com pino de segurança (SHIMANO), identifique o elo com o pino e use-o como referencia.

3) Coloque na coroa grande e pinhão menor (marcha mais pesada).

4) Girando o pedal no sentido anti-horário, aplique generosamente, mas sem excesso, o lubrificante em um lado da corrente, utilizando o ponto de referencia para inicio e término. Lubrifique por uma volta completa da corrente e repita para o outro lado. O objetivo é atingir as articulações entre as placas internas e externas, pinos e buchas. Após lubrificar os dois lados, gire o pedal no sentido anti-horário (para trás) por umas 10-15 revoluções completas para distribuir bem o lubrificante.

5) Espere secar por 5/10min. Em clima seco, demora menos em locais úmidos, mais tempo. Se desejar acelerar o processo, pode utilizar um secador de cabelos.

6) Reaplique mais uma camada, repetindo os passos explicados no item 4.

É IMPORTANTE QUE O LUBRIFICANTE ESTEJA SECO ANTES DE SAIR PARA PEDALAR.

7) Na primeira pedalada, a durabilidade será curta e provavelmente você terá de reaplicar durante um pedal maior que 40km na terra com poeira ou no asfalto com mais de 100km.

8) Reaplique antes da próxima pedalada, somente uma vez. Muito provavelmente nessa pedalada a durabilidade já será maior.

9) Siga reaplicando conforme a necessidade. Para determinar a necessidade, repare como a corrente começa a chiar ao invés de operar silenciosamente.

10) Por ser um lubrificante seco, o acúmulo de sujeira é mínimo e deve ser removido apenas com uma escova e pano seco.

11) JAMAIS LAVE A CORRENTE COM UM DESENGRAXANTE COMUM OU QUALQUER OUTRO TIPO DE SOLVENTE.

12) Se desejar, lave com água e detergente, junto com a bike. Esse é o método utilizado pelos mecânicos profissionais.